Penne assado no forno

E aí pessoal? Tudo beleza? Hoje irei trazer uma receita que traz ótimas recordações para mim e para minha família. Em 2019, nós fizemos a nossa viagem dos sonhos comemorando o Natal em Orlando nos Estados Unidos, curtindo as atrações dos parques da Disney e fazendo muitas compras nos shoppings e mercados da cidade.

Em uma dessas saídas de compras almoçamos em um restaurante de comida italiana cujo nome é Buca di Peppo. O restaurante além de fantástico, possui uma decoração muito bacana, com imagens em preto e branco de diversas personalidades misturadas com objetos que trazem à lembrança da Itália como camisas de time de futebol italiano, castões postais e bandeiras com as cores do país além de outras coisas.

No entanto, o que mais nos chamou a atenção foi a qualidade e a fartura dos pratos servidos, ao ponto de um único prato servir confortavelmente nós quatro (Eu, esposa e dois filhos). E é justamente a receita desse prato que comemos lá que tentarei ensinar para vocês; ele se chama Baked Ziti, que na tradução livre significa Ziti assado.

Vocês devem estar se perguntando: “Mas afinal, o que é ziti? Ziti é um tipo de macarrão similiar ao penne, mas com os extremos cortados de forma reta e não diagonal. Vamos deixar de conversa e vamos para a receita.

  Vocês vão precisar de:

  • 500 gramas de macarrão penne;
  • 2 sachês de molho de tomate;
  • 200 gramas de provolone;
  • 150 gramas de queijo branco;
  •  1 ramo de manjericão fresco;
  • 1 xícara de cream cheese; e
  • 100 gramas de parmesão ralado.

*INFORMAÇÕES IMPORTANTES*

Pessoal antes de começarmos, gostaria de esclarecer três pontos:

1° ponto – Não encontrei em nenhum mercado da cidade a massa tipo ziti, porém achei a massa tipo penne cuja a diferença eu falei anteriormente qual é. Para essa receita eu utilizei (erradamente) a massa tipo rigatonni que tem o mesmo formato da ziti (com os extremos cortados de forma reta) porém é maior no tamanho e na espessura.

2° ponto – Nas fotos dessa receita eu utilizei dois sachês que refoguei com carne moída, semelhante ao que eu ensinei na receita de torta madalena que já postei aqui no Blog,  porém eu acho que a receita fica muito melhor com um molho de tomate feito em casa. Caso estejam dispostos a fazer, eu ensinei o passo a passo da receita desse molho de tomate em uma outra postagem.

3° ponto – Ao final dessa receita postei duas fotos diferentes, a primeira que fiz com massa tipo rigatonni e o molho com carne moída e a outra com massa tipo penne e com molho de tomate feito em casa.

Para nossa receita, a primeira coisa que deve ser feito é colocar os 500 gramas de penne para cozinhar em 5 litros de água pelo tempo sugerido no pacote da marca da massa que compraram (figura 1). Enquanto a massa cozinha, amassem o queijo branco com um garfo (figura 2) e transfiram para uma tigela. Na sequência, separem umas folhas do ramo de manjericão fresco, piquem (figura 3) e transfiram para a mesma tigela.

Figura 1 – Essa informação do fabricante pode ser o sucesso de sua massa.

Figura 2- Queijo branco amassadinho.

Figura 3 – Folhas de manjericão picadas.

Na tigela que estão o queijo e o manjericão vocês irão incluir uma xícara de cream cheese (figura 4) e misturar bem (figura 5) para que fique uma massa homogênea (figura 6). Em seguida reservem.

Figura 4 – Cream cheese na tigela.

Figura 5 – Misture bem com ajuda de uma espátula de silicone.

Figura 6 – Mistura pronta.

Com a massa cozida é hora de montar nossa massa. Para isso, coloquem os ingredientes próximos da travessa onde será servida a massa (figura 7) e comecem a montagem. Intercalem camadas de massa, molho e queijo provolone até preencher toda a travessa (figuras 8, 9 e 10).

 Figura 7 – Organização ajuda na montagem do prato.

Figura 8 – A primeira camada deve ser de molho e depois de massa.

Figura 9 – O provolone pode ser em rodelas ou ralado, o que for mais fácil para vocês.

Figura 10 – Mais molho.

Com o prato montado (figura 11), é hora de dar o toque final. Com uma colher de sorvete coloquem bolas da mistura de queijo e cream cheese por cima da massa (figura 12) e depois disso cubram com queijo parmesão ralado (figura 13).

Figura 11 – Prato montado esperando o toque final.

Figura 12 – Bolas de queijo sobre a massa.

Figura 13 – Por fim, queijo parmesão ralado por cima de tudo.   

Agora é levar ao forno pré-aquecido à 230°C por 30 minutos (figuras 14 e 15). Caso o forno de vocês possua a opção grill, utilizem-na por 10 minutos para dar uma gratinada mais intensa nas bolas de queijo.

Figura 14 – Massa rigatonni e molho com carne moída.

Figura 15 – Massa penne e molho caseiro.

VAMOS TENTAR?
AOS TALHERES!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.