Torta de frango de liquidificador

E aí pessoal? Tudo Beleza? Hoje irei trazer uma receita daquelas vapt vupt, aquela em que até o mais “treva” na cozinha vai saber fazer e somado ao fato de ser uma das mais fáceis que publiquei aqui, é muitíssima gostosa.

Para aqueles que não fazem comida por considerarem que suja muita coisa na cozinha, vou dar uma boa notícia, essa receita também é legal pois suja pouquíssimos utensílios.

Vocês irão precisar de:

PARA O RECHEIO

  • 600 gramas peito de frango desfiado,
  • 50 gramas de bacon em cubos,
  • 1 colher de sopa de manteiga (ou margarina),
  • 1 colher de sopa de alho picado,
  • 1 cebola picada,
  • 1 tomate picado,
  • 10 azeitonas descaroçadas e picadas,
  • 1 sachê de molho de tomate,
  • 1 xícara de chá cream cheese,

PARA A MASSA

  • 1 e 1/2 xícara de chá de leite,
  • 1 copo de iogurte natural,
  • 2 ovos,
  • 1/2 xícara de chá de óleo,
  • 1 e 1/2 xícara de chá de farinha de trigo,
  • 1 colher sopa de fermento em pó,
  • 50 gramas de queijo parmesão (ou outro que preferir) ralado,
  • 1 colher de chá de sal.

Como fazer:

Para preparação da massa,  é só baterem no liquidificador os ingredientes: o Leite (figura 1), o iogurte natural (figura 2), os ovos (figura 3), o óleo (figura 4), a farinha de trigo (figura 5), o queijo parmesão (figura 6), a colher de sopa de fermento em pó (figura 7) e por último a colher de chá de sal . Após baterem tudo no liquidificador reservem.

Figura 1 – Leite.

Figura 2 – Copo de iogurte.

Figura 3 – Ovos.

Figura 4 – Óleo.

Figura 5 – Farinha de trigo.

Figura 6 – Queijo parmesão ralado.

Figura 7 – Fermento.

Agora vamos preparar o recheio. Numa panela alta em fogo alto (eu usei a própria panela de pressão onde cozinhei e desfiei o frango) coloquem o bacon em cubos e esperem que ele comece a fritar na própria gordura. Após o bacon começar a ficar “queimadinho” coloquem a manteiga (figura 8), o alho (figura 9) e logo em seguida a cebola picada (figura 11), lembro que a cada novo ingrediente incluído na panela, vocês devem mexer com uma colher de bambu para que todos eles fiquem incorporados uns ao outros.

Figura 8 – Manteiga para derreter com o bacon.

 

Figura 9 – Alho picado.

Figura 10 – Cebola roxa.

Após alguns minutos vocês perceberão que toda essa mistura de temperos na panela irá “aguar” devido a cebola, esperem que todos estes ingredientes na panela fiquem bem douradinhos e incluam o tomate picado (figura 11).

Figura 11 – Tomate bem picado.

EM TEMPO: Meus Amigos desbravadores da cozinha, em quase todas as minhas receitas eu não informo o tempo de cozimento/preparo/espera… Faço isso pois quando iniciei minhas experiências na cozinha eu me prendia demais nesses tempos e muitas vezes “as coisas” não saíam como planejado.

Com um tempo descobri que isso ocorria devido aos fogões/fornos não funcionarem da mesma maneira, pois a intensidade de chama do fogão/calor do forno podem variar de acordo com o modelo/marca do seu fogão e também pela qualidade do gás utilizado (em se tratando de fogões à botijão).

Voltando para a nossa receita, após colocarem o tomate na panela, mexam bem e aguardem até ele ficar bem macio, quando isso ocorrer incluam uma pitada de pimenta (figura 12), meia colher de chá sopa de sal (figura 13) e as azeitonas descaroçadas e picadas, mexam para que incorporem em tudo e em seguida incluam o frango desfiado (figura 14).

Figura 12 – Pimenta é opcional.

Figura 13 – O sal é a gosto, mas minha sugestão é 1/2 colher de sopa.

Figura 14 – Azeitonas já inclusas, agora é hora do frango.

Após colocar o frango desfiado, permaneçam mexendo até que comecem ouvir uns “estalos” do fundo da panela, dessa forma o frango e os temperos estarão bem incorporados um aos outros e certamente estará bem refogado. Nesse momento inclua o sachê de molho de tomate (figura 15).

Figura 15 – Molho de tomate.

Após incluírem o molho de tomate e a xícara de cream cheese (figura 16), misturem bem os ingredientes. O recheio de vocês estará pronto (figura 17).

Figura 16 – Incluam o cream cheese.

Figura 17 – Recheio pronto. Falem a verdade dá vontade de comer de colherada, não dá?!

Vamos agora para a montagem do prato, como a massa da torta ainda está no liquidificador, deem uma “pulsada” de 10 segundos no aparelho só para dar uma “acordada” nela, após isso derramem pouco MENOS da metade num refratário de 25 cm X 20 cm, já previamente untado e enfarinhado (figura 18).

Figura 18 – MENOS da metade da massa.

Como o recheio não é fácil de ser despejado por cima da massa (devido sua consistência), utilizem uma colher para colocar aos poucos, tentando dividir por toda extensão do refratário (figuras 19 e 20).

Figura 19 – Espalhe por toda a massa.

Figura 20 – recheio em toda a superfície.

Feito isso, derramem o restante da massa por cima de todo o recheio (figura 21), o ideal é que nenhuma parte do recheio fique à mostra, pois dessa forma a apresentação final de seu prato ficará mais bonita. Com toda a massa derramada por cima do recheio espalhe o queijo parmesão ralado por cima de tudo (figura 22).

Figura 21 – Restante da massa por cima de tudo.

Figura 22 – Espalhe o queijo parmesão por cima de tudo.

Pronto, agora é levar ao forno pré-aquecido à 200° C por 40 minutos (figura 23) e após isso servirem(figura 24). Pessoal, o fermento e o iogurte colocado na massa fazem com que ela fique super leve e sem aquela característica de “bate e entope” como de algumas tortas salgadas de de má qualidade.

 

Figura 22 - Torta gratinada.

Figura 23 – Torta gratinada.

Figura 24 – Servidos?

VAMOS TENTAR?
AOS TALHERES!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.